Verão 2018/2019


As estações do ano são definidas pelo movimento de translação da Terra. A estação do verão de 2018/2019, no Hemisfério Sul, começou no dia 22 de dezembro às 01h19min horário oficial de Brasília. Em termos gerais, a estação do verão tem como características o aumento no volume de chuvas, umidade e temperatura do ar. Também, normalmente, se observa o reabastecimento dos reservatórios, nascentes e mananciais.

Na Região Sudeste do país os principais fenômenos meteorológicos que atuam são: frentes frias, Alta da Bolívia e Zona de Convergência do Atlântico Sul – ZCAS. Ocorrem chuvas em forma de pancadas, por causa do forte aquecimento diurno e comumente são acompanhadas de rajadas de vento, raios e queda de granizo.

O fenômeno meteorológico ZCAS é caracterizado pelo encontro de frentes frias semiestacionárias sobre o oceano Atlântico Sul, na altura do litoral do Sudeste brasileiro, e o fluxo de umidade oriunda da Região Amazônica culminando com grande banda de nebulosidade que provoca chuva continuas e volumosas por um período de quatro ou mais dias. É responsável por grandes inundações sobre o estado de Minas Gerais, especialmente, nos centros urbanos causando transtornos à população.

Em Minas Gerais, de forma geral, as temperaturas ficam mais elevadas no norte, noroeste, nordeste e leste. Os maiores totais de chuva ocorrem no sul, oeste, centro, sudeste e Triângulo Mineiro.